Sobre o Pneu Reformado

  • Por medida de segurança recomendamos que o pneu reformado não seja utilizado no eixo dianteiro;
  • Forme pares com pneus da mesma marca, número de reformas iguais e diâmetros com tolerância máxima de 6,0 mm para evitar desgastes prematuros e sobrecarga no pneu em rodado duplo;
  • Verifique a pressão dos pneus duas vezes por semana;
  • Manobras acentuadas geram arrastes dos pneus principalmente no primeiro eixo (semi-reboques) provocando um grande esforço na região dos ombros do pneu, podendo comprometer a estrutura do mesmo.